Justiça manda soltar ex-vereador preso no “esquema do loteamento” na Câmara

Arquivado em: Policial |

Preso desde novembro do ano passado sob acusação de participar de um grandioso esquema de corrupção na Câmara de Vilhena envolvendo aprovação de loteamento de terrenos, o ex-vereador Antônio Marcos de Albuquerque, o popular Marcos Cabeludo (PHS), ganhou a liberdade após decisão do Tribunal de Justiça (TJ/RO).

Cabeludo alegou à Justiça não mais ser vereador, porque seu mandato se encerrou no dia 31 de dezembro do ano passado, “não sendo mais este um fundamento plausível para a manutenção da prisão”.

O relator da demanda, desembargador Oudivanil de Marins, da 1ª Câmara Especial do Tribunal de Justiça (TJ/RO), levou em conta a concessão de habeas corpus que já havia beneficiado outro envolvido no mesmo caso, o ex-presidente da Câmara Municipal Júnior Donadon (PSD), este sim reeleito.

Antes de beneficiar Antônio Marcos, a decisão que tirou Donadon do cárcere já havia sido estendida a outros acusados na mesma questão.

“Pois bem. Considerando o julgamento do HC n. 00067229.2017.822.0000 impetrado por Ângelo Mariano Donadon Junior, em que foi concedida a ordem, considerando se tratar o impetrante de corréu nas ações penais de origem cujos fatos são os mesmos noticiados, ESTENDO tal concessão ao embargante Antônio Marco de Albuquerque”, destacou o desembargador em decisão proferida nesta quarta-feira, 19.

 

Texto: Rondônia Dinâmica

Foto: Extra de Rondônia