PMs reencontram criança que ajudaram a socorrer e teve adequado atendimento no HR

Arquivado em: Policial |

 

 

Na noite da quarta-feira, 11, uma guarnição de serviço da Força Tática do 3º BPM foi ao Hospital Regional de Vilhena (HR) visitar criança que ajudaram a socorrer no dia anterior.

O menino Dyeizon Cristian, de 5 anos, e a mãe,  Janaína dos Santos, demonstraram gratidão pela ação rápida dos militares, que foi significativa para  sobrevivência do pequeno.

Os policiais estavam dando prosseguimento noutra ocorrência quando foram solicitados pelo irmão da vítima de que uma criança passava mal, no Bairro Jardim Primavera, em Vilhena. Em seguida, a babá correu com a criança no colo até a viatura, que prontamente deslocou-se ao HR.

Simultaneamente ao socorro era acionada, via rádio, outra guarnição para assumir a ocorrência que executavam anteriormente, tendo em vista que a manutenção da vida é a prioridade, já que é o bem mais precioso que se pode ter.

A mãe do menino, Janaína, conta que o médico que fez o atendimento do filho explicou que Dyeizon iniciava uma convulsão e que a agilidade no socorro garantiu que nada de mais grave acontecesse com ele. Agora a criança está internada e com o tratamento adequado na unidade de saúde do município.

O REENCONTRO

Os três militares foram ao leito em que a criança estava e que ao avistá-los logo abriu um sorriso. A mãe, muito emocionada, explicou em detalhes o que aconteceu aos policiais e expressou muita gratidão pelo apoio da guarnição. Ao fim do encontro um dos policiais realizou oração em agradecimento pela vida da criança. “Ainda não temos previsão de alta, mas a gente agradece os policiais por tudo que eles fizeram. Já tive com meu filho quase morto em minhas mãos outra vez e ontem, se não fossem eles, eu não queria nem pensar no que tinha acontecido. Eu me sinto muito agradecida”, explica, emocionada, a mãe de Dyeizon.

 

Texto: Extra de Rondônia

Informações e foto: Assessoria

governo - ale
COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve, em especial, aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO