mercado paulista

TJ acata recurso de MP e homem inocentado no “Caso Jéssica” pode voltar ao banco dos réus

Arquivado em: Conesul,Sem Categoria |

 

Tribunal de Justiça de Rondônia acatou na quarta-feira, 07, o recurso apresentado pelo promotor de Justiça Marcus Alexandre de Oliveira Rodrigues e decidiu que Ismael José da Silva, que foi preso em abril de 2017, suspeito de matar a namorada Jéssica Moreira Hernandes, de 17 anos, vá a júri popular, mesmo tendo sido inocentado em 1º instância.

O Extra de Rondônia tentou entrar em contato com a advogada Shara Eugênio de Souza, que faz a defesa de Ismael, porém, devido estar tratando problemas de saúde, ela não pode dar maiores detalhes, só afirmou que ainda não foi informada da decisão.

O acordão que ainda cabe recurso foi decidido por unanimidade e poderá levar Ismael a sentar novamente no banco dos réus, ao lado de seu primo, Diego de Sá Parente, que continua preso, acusado do crime.

 

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Extra de Rondônia

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve, em especial, aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO