Prefeito nega “acerto” em rejeição de CPI e diz que relação com vereadores “é boa”

Arquivado em: Política |

Prefeito José Ribamar de Oliveira

O prefeito José Ribamar de Oliveira (PSB) negou com veemência boatos que se espalharam entre a comunidade a respeito de um suposto “acerto” por cargos para que vereadores rejeitem a criação de uma Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para a investigação de possíveis irregularidades em sua gestão em Colorado do Oeste. Leia AQUI

Quatro vereadores assinaram o requerimento pedindo a CPI, mas três deles “pularam fora” e apenas um se manteve favorável. Os demais se abstiveram. Leia AQUI

Ouvido pela reportagem do Extra de Rondônia, professor Ribamar, como é conhecido, disse que – apesar da CPI ter feito parte da sessão ordinária – tem uma “boa” relação com os vereadores. Ele entende que a Câmara tem um importante papel institucional.

Ele, porém, garantiu que a solicitação de uma CPI gerou preocupação. “Quando se fala em CPI, na minha forma de ver, é um nível de discussão em que superou-se todas as outras, ou encontrou-se uma situação de natureza muito grave. Mas tivemos um diálogo com os vereadores e explanamos a eles todas as ações e, entenderam, de fato, que não caberia essa questão. Executivo e Legislativo têm uma relação muito tranquila. Respeito a decisão do Legislativo, seja ela qual for. Vamos continuar trabalhando para que os problemas sejam resolvidos”, observou o mandatário municipal.

SUSPEITA DE “ACERTO” POR CARGOS

Especificamente sobre tal “acerto”, José Ribamar foi categórico em afirmar que não compactua com qualquer tipo de proposta dessa natureza. “Realmente não procede. A gente tem uma filosofia de trabalho e esse é um procedimento incorreto. Jamais eu faria qualquer tipo de barganha para que os vereadores não votassem ou aprovassem qualquer tipo de coisa. Essa não é a minha conduta. Nunca foi proposto de minha parte isso. É bom que fique claro. Nenhum dos vereadores chegou até mim e propuseram esse tipo de coisa. Nunca aconteceu. São manifestações equivocadas da comunidade. Quando eu falou em diálogo, são na análise dos pontos que estavam sendo pautados como objeto da própria comissão. Após essa discussão, os vereadores passaram a reavaliar. É um processo completamente normal”, se defendeu.

 

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Extra de Rondônia

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve, em especial, aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO