Estamos em guerra 728×90

O presidente da Câmara, Adilson de Oliveira (PSDB), decidiu cancelar a licitação, através de pregão eletrônico, que previa serviços de paisagismo no valor de R$ 117 mil para o novo prédio da Casa de Leis de Vilhena.

A licitação, que seria através de pregão eletrônico em 9 de novembro, a princípio, foi suspensa, devido à impugnação do edital. Relembre AQUI

Mas agora, graças à intervenção do Ministério Público (MP) e devido à constatação de vícios, a licitação foi cancelada.

Contudo, o presidente o Legislativo insiste e informou que um novo pregão eletrônico, com alterações no edital, será realizado em breve.

 

POLÊMICA

A polêmica das plantas, como ficou conhecida, iniciou após o Extra de Rondônia divulgar a quantidade e estimativa de valores inseridas no edital.

Ao todo, o Legislativo estima gastar R$ 117 mil em: R$ 3,6 mil com 50 buxinhos, R$ 4 mil com 14 fênix, R$ 42 mil com 2.000 metros de grama esmeralda e R$ 41 mil com 16 palmeiras imperial, entre outros. Relembre AQUI

 

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Divulgação

Estamos em guerra 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO