mercado paulista

Projeto social forma e gradua mais uma turma de Bombeiros Mirins em Vilhena

Arquivado em: Eventos |

 

O 3º Grupamento do Corpo de Bombeiros de Vilhena, realizou na noite de quinta-feira, 22, o encerramento do curso de formação de Bombeiros Mirins turma 2018, em Vilhena.

Em solenidade realizada na Igreja El Shaday, no bairro 5º BEC, o projeto social formou e graduou mais uma turma de Bombeiros Mirins.

Marcou presença no evento,  o prefeito Eduardo Toshiya Tsuru, a vice-prefeita Maria José, o comandante do exército brasileiro subtenente Jurandir Santana, o comandante do 3º GB Capitão Merycles Guedes, entre outras autoridades eclesiásticas, civis e militares.

Na oportunidade, o Capitão Guedes enalteceu o esforço do Sargento Rossendy e Cabo Vargas pelo trabalho realizado no decorrer do ano com o projeto que visa levar aos participantes, ou alunos, noções básicas tais como: conhecimentos sobre defesa civil, busca e salvamento, direitos humanos, prevenção e combate a incêndio, meio ambiente e cidadania, primeiros socorros, saúde, reforço escolar e prática de esportes, entre outros.

Visivelmente emocionado, o Sargento Rossendy agradeceu aos parceiros que contribuíram com o projeto, aos pais que depositaram confiança na instituição, onde seus filhos passaram boa parte do dia, onde aprenderam valores que vão os acompanhar pelo resto da vida.

Por fim, o instrutor fez apelo às pessoas presentes que invista em projetos sociais com crianças que serão o futuro de amanhã.

A solenidade encerrou com a entrega de certificados para os alunos que concluíram o curso. Assim como a entrega de graduação aos Bombeiros Mirins que foram destaque no decorrer do ano.

>>>>>>>>>Clique na imagem para ampliar>>>>>>>>>>

Texto: Extra de Rondônia

Fotos: Extra de Rondônia

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve, em especial, aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO