mercado paulista

Vítima de doença rara, enfermeira de Cerejeiras morre em hospital da capital

Arquivado em: Conesul |

A enfermeira Deisiane Serrath da Silva, 31 anos, moradora de Cerejeiras, faleceu na manhã desta quinta-feira, 3, num hospital de Porto Velho, onde estava internada por vários dias.

Deisiane era servidora do hospital São Lucas e também do sistema prisional de Cerejeiras onde atuava como enfermeira.

Muito querida entre os colegas e pacientes, desenvolvia a profissão com muito amor e dedicação, não media esforços para o bem do próximo.

Após meses de tratamento e lutar heroicamente pela vida, onde passou por cirurgias, transfusões de sangue, Deisiane faleceu vítima de uma rara doença identificada como Behçet.

Nas redes sociais, familiares e amigos prestam suas homenagens. “Deus me emprestou  essa filha tão formosa , para  que  eu a educasse com muito amor, carinho e dignidade. Sem sombras de dúvidas cumpri e continuo cumprindo com o meu papel de MÃE,  a todos os momentos .  Nesse processo que se encontra. Eu e multidões  clamamos  a Jesus  Cristo,  para que a curasse e ficasse mais um pouco conosco , principalmente com a família de sangue,  mas se é  da vontade Dele tê-la de volta.  Quem sou eu para impedir? Que  assim seja!  Só  peço a Jesus Cristo  a força de Jó, para mim  minha família,  familiares,  colegas e amigos . Amém”, escreveu  Delva Serrath, mãe de Deisiane.

A DOENÇA

A doença de Behçet é uma vasculite sistémica (inflamação dos vasos sanguíneos de pequeno e grande calibre. Não é contagiosa. É uma afecção crónica causada por perturbações no sistema imunitário em pessoas com predisposição genética.

Caracteriza-se por úlceras orais e/ou genitais recorrentes, inflamação dos olhos (uveíte) e lesões cutâneas. Também pode afectar as articulações, todo o tipo de vasos, pulmões, Sistema Nervoso Central e tracto digestivo.

 

Texto: Elizeu Evangelista

Foto: Divulgação

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve, em especial, aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO