mercado paulista

Em seis meses, gestão de Japonês “consome” mais de R$ 127 mil em diárias; veja gastadores

Arquivado em: Política |

Prefeito Eduardo e a vice Maria José

Contrariando o discurso de “economia”, a gestão do prefeito Eduardo Japonês (PV) já consumiu R$ 127.701 dos cofres públicos de Vilhena.

Levantamento do Extra de Rondônia constata que, com seis meses de mandato, o mandatário fez uso da verba oficial diversas vezes, em viagens  – principalmente – para Porto Velho e Brasília (DF).

Conforme o site do Portal da Transparência, as diárias iniciam em agosto e não em julho, mês que ele assumiu o cargo (leia AQUI). Foram 2.5 diárias  entre 04 a 06 de agosto de 2018, com viagens para Cacoal e Porto Velho, num total de R$ 1.375,00.

As últimas do ano foram entre 17 a 20 de dezembro, com viagem à Brasília, num total de R$ 2.640,00. Apenas o prefeito, ao todo, gastou R$ 16.995,00 em diárias. Com relação à vice-prefeita Maria José da Farmácia (PSDB), não há registros de diárias.

Além de Japonês, secretários e outros servidores municipais também fizeram uso da “ajuda de custo” para o pagamento de despesas quando se deslocam a outras cidades “a trabalho”.

RANKING

O ranking de gastadores é liderado pelo secretário de educação, Cléssio Cassio Almeida Costa, que “consumiu” nesse período R$ 10.250,00; ele foi seguido pelo secretário de planejamento, Ricardo Zancan, que gastou R$ 5.650,00; a secretaria de Assistência Social, Patrícia da Glória, gastou R$ 5.600,00; a secretária de agricultura, Maria Madalena, gastou R$ 2.800,00; Marcela Rodrigues, o secretário de Turismo, José Marcondes Cerutti gastou R$ 2.100,00; secretária de Meio Ambiente, gastou R$ 1.200,00; e o secretário de esportes, Silmar de Freitas gastou R$ 900,00.

Há outras pastas importantes e que é natural que seus secretários se desloquem a outras cidades por diversos motivos, como a Saúde e Obras, mas o Portal não traz informações do uso de verba oficial dos titulares.

 

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Divulgação

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve, em especial, aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO