Os alunos da escola Álvares de Azevedo de Vilhena vão disputar, na categoria Sub-18, o VII Campeonato Brasileiro Escolar de Basquetebol, nos dias 8 a 15 de março, em Brasília (DF). A competição nacional garante vaga para o mundial na Grécia

O campeonato é promovido pela Confederação Brasileira do Desporto Escolar (CBDE), e cada Estado participará com uma equipe representante.

De acordo com o técnico Siverlô Meireles, os alunos foram escolhidos para representar Rondônia. “Para esta etapa nacional, a Federação Estadual de Desporto Escolar é responsável por indicar a equipe que vai representar o Estado. Como os alunos foram os campeões estaduais em 2018, a vaga foi dada a eles”, explicou.

Os alunos da equipe de basquete Sub-18 da escola Álvares de Azevedo, que vão para o campeonato, integram o projeto Sicoob Credisul/Asbavi. Esses atletas possuem entre 17 e 18 anos.

Para Siverlô, além da importância de representar o Estado em uma competição nacional, a participação da equipe no campeonato traz outros pontos relevantes para os atletas. “Os alunos da escola Álvares de Azevedo e do projeto Sicoob Credisul/Asbavi vão vivenciar uma competição do mais alto nível técnico e organizacional. É uma evolução importante”, definiu.

O técnico destacou algumas dificuldades que a equipe pode encontrar, já que nas equipes dos outros Estados, como os das regiões Sul e Sudeste, há jogadores que participam de grandes clubes profissionais do País. “Esses atletas disputam mais competições durante o ano do que equipes da região Norte e Nordeste, onde o esporte está em fase de evolução”, afirmou. Outro ponto negativo que a equipe tem é o fato de treinar em uma quadra de tamanho não oficial, segundo Siverlô, isso faz muita diferença na hora da competição.

Apesar dessas dificuldades, as expectativas para a seletiva são as melhores. Se não alcançarem a vaga para o mundial, a intenção é ficar dentro do top 10 da competição. “Queremos chegar entre os oito melhores do país”, revelou Siverlô.

Texto e fotos: Assessoria


COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO