dengue 728×90 – 2

Jesuino2Em nota enviada ao Extra de Rondônia, na manhã deste sábado, 04, Jesuino Boabaid,  presidente da Associação dos Praças e Familiares da Polícia e Bombeiro Militar do Estado de Rondônia (Assfapom) rebateu as acusações feitas pelo Comandante da Polícia Militar de Vilhena, Paulo Gonçalves.

Segundo o militar, Jesuino quis se autopromover com caso de gravidade do PM de Cerejeiras, Fábio Santos, que teve um canivete cravado na cabeça no dia primeiro de janeiro, durante operação policial. Já em nota, Jesuino afirmou que a declaração do Comandante foi infeliz.

 

>>> Leia abaixo, na íntegra, a nota enviada ao Extra de Rondônia:

 

 

DIREITO DE RESPOSTA EXTRAJUDICIAL – Jesuino Boabaid, presidente da Assfapom

 

Jesuino lamenta e esclarece Nota infeliz do Comandante de Vilhena, Coronel Gonçalves

 

Jesuino Boabaid, representante de parte da categoria militar, recebe denuncias diárias de policiais militares de todo o Estado, relatando fatos sobre todos os tipos de ocorrências, envolvendo os policiais.

O episódio lamentável, envolvendo o PM Fábio de Cerejeiras, foi uma delas. Na manhã do dia 01 de janeiro, Jesuino recebeu uma ligação desesperadora, de um policial que trabalha com o PM Fábio, relatando que seu amigo poderia morrer, caso a aeronave do GOA, não saísse de Porto Velho, pois desde a madrugada, aproximadamente às 03hs, quando o PM levou a facada, Fábio não tinha expectativa se viria para Porto Velho, pois a aeronave estava sem combustível, mas já estava sendo atendido no Hospital de Vilhena.
Então Jesuino entrou em contato com o CIOP- Comando Integrado da Polícia Militar, e para sua surpresa, naquele momento, às 10:30hs da manhã, é que todos tinham tomado ciência do ocorrido com o PM Fábio, diante disso Jesuino colheu as informações e publicou uma nota no site da ASSFAPOM, através de sua assessoria de comunicação.
Leia a Nota Oficial do Site da Entidade: 

URGENTE- PM DE CEREJEIRAS LEVA UMA FACADA NA CABEÇA EM OCORRÊNCIA 

Nesta madrugada do dia 01 de janeiro 2014, virada do ano, o policial militar lotado em Cerejeiras, 3º BPM 4º CIA, Fabio dos Santos Lopes, em atendimento a uma ocorrência de vias de fatos, ao tentar separar o conflito, um menor que se encontrava de posse de um canivete desferiu um golpe na região dos olhos do PM Fábio.

O policial militar foi conduzido ao hospital do município de Vilhena, onde foram prestados os primeiros socorros. Pela manhã, o presidente da ASSF APOM, Jesuino Boabaid, foi informado dos fatos e para agravar a situação, recebeu a denuncia de que a aeronave do Bombeiro GOA- Grupo de Operações Aéreas estava sem condições para realizar a condução do PM Fábio, a aeronave estava sem combustível.

Às 10h30min, Jesuino entrou em contato com o Capitão Marques, coordenador do CIOP, para informar sobre os fatos e também relatar a denúncia sobre a falta de combustível. O Capitão informou que o subcomandante da PM, Coronel Carlos, já estava tomando as medidas em relação ao combustível e que em cerca de 40 minutos a aeronave seguiria para Vilhena, com um médico. “Estamos acompanhando todos os procedimentos para o salvamento da vida do PM Fábio, neste momento, pedimos que todos os companheiros de farda orem pela vida do irmão, que estava realizando seu trabalho, enquanto toda a sociedade comemorava a entrada do ano novo junto à fa mília e amigos.” Finalizou Jesuino Boabaid.

Analise a nota e veja que em nenhum momento Jesuino diz que está sendo responsável pelos procedimentos, mas que está acompanhando todos os procedimentos. Jesuino informa ainda na nota, que: O Capitão informou que o subcomandante da PM, Coronel Carlos, já estava tomando as medidas em relação ao combustível e que em cerca de 40 minutos a aeronave seguiria para Vilhena, com um médico. Ao final da nota Jesuino pede que todos os companheiros de farda orem pelo amigo. “É lamentável ver pessoas, como o Coronel Gonçalves, que conhece o nosso trabalho, vir a publico e tentar denegrir a imagem da minha pessoa, e da Entidade a qual represento. Apenas tentei ajudar, e não vou parar de ajudar quem precisa, por picuinhas e/ou por causa de pessoas que tentam me derrubar. Minha resposta é trabalho, isso é o que faço todos os dias quando entro na associação e atendo mais de 30 associados diariamente, nunca fechei as portas e nunca escolhi quem atender. Atendo a todos igualmente”, finalizou Jesuino Boabaid.

 

http://www.youtube.com/watch?v=RGvcQKu_sFU

 

Texto e foto: Assessoria

dengue 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO