Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

MargaridaOs servidores municipais de Vilhena podem entrar em greve ainda neste mês. A afirmação é da presidente do Sindicato dos Servidores Públicos Municipais (Sindsul), Margarida Plakitken.

Segundo ela, no final do mês de fevereiro será realizada uma assembleia com os servidores municipais, onde será decidido se vai ou não acontecer uma nova paralisação.

De acordo com Margarida, os servidores estão descontentes com os salários, o motivo principal do descontentamento da categoria.

Margarida explicou que o sindicato solicitou à Câmara de Vereadores de Vilhena os projetos de lei com aumentos que foram concedidos nos últimos cinco anos para saber a defasagem dos salários dos servidores. “Tem categorias que receberam até 50% de aumento e outras que nesses últimos cinco anos não receberam nem 5% de aumento. Por isso pedimos os projetos para poder fazer os cálculos e ter os números que serão apresentados na assembléia”, disse.

No ano passado, os servidores realizaram duas paralisações, um em agosto e outro em novembro,, tendo como pauta de reivindicação 19 itens, entre eles, a reposição salarial. Em novembro, os servidores aceitaram a proposta de reajuste salarial de 5% oferecido pela Prefeitura de Vilhena.“O reajuste salarial não foi exatamente como a gente queria, pois pedimos 26% e conseguimos apenas 5%. Mas as negociações vão continuar e vamos lutar pelos nossos direitos”, finalizou Margarida.

Fonte: Extra de Rondônia

Texto: Redação

Fotos: Divulgação

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO