banner 728×90 2

CAMARA VAZIA@@ O Deputado Hermínio Coelho (PSD) está mesmo afim de furar a barca do Governador Confúcio Moura (PMDB). O presidente da ALE-RO colocou uma equipe “na cola” do rival político liderada por seu próprio assessor de imprensa, o Jornalista Elton Bitencour, que já foi secretário de comunicação do atual prefeito de Vilhena, Zé Rover (PP).

@@ Elton e sua equipe de “comunicadores-espiões” passou por Vilhena na última segunda-feira, 3, quando Confúcio promoveu uma carreata no município para apresentar à comunidade os imobiliários escolares que adquiriu para a comunidade escolar rondoniense.

@@ Bitencourt, que é o “zero 1” da equipe afirmou que chegou a filmar trecho da carreata que Confúcio participou e irá entregar ao presidente da ALE-RO para que protocole denúncia contra Confúcio junto ao Ministério Público. Caso seja aceita, Confúcio deve ser punido por possível propaganda antecipada utilizando recursos públicos.

@@ Falando nisso, a carreata do Governador não deu muito certo. Os equipamentos estavam lá, o próprio Governador compareceu ao evento, havia dezenas de veículos, mas a chuva atrapalhou. Bem na hora do evento “caiu” um verdadeiro dilúvio em Vilhena, o que acabou encharcando o evento. Bem que podiam ter consultado a previsão do tempo.

@@ Entretanto, pouca gente ficou molhada pela chuva. Ocorre que, devido à rejeição que Confúcio está tendo junto ao eleitorado rondonienses, só estiveram no local assessores e puxa-sacos. Seu João e dona Maria nem estiveram por lá.

@@ A imagem que ilustra esta coluna informativa, acreditem, é real. Ela foi batida na manhã desta terça-feira, 4, na primeira sessão legislativa do ano em Vilhena. Além de membros da imprensa, haviam apenas servidores do SAAE e alguns funcionários da Casa de Leis. E só. Aliás, os servidores do SAAE foram cobrar dos vereadores a aprovação do Plano de Carreira, Cargos e Salários. Ou seja: eles foram forçados a ir à sessão. Resumo da ópera: ainda a população não entendeu da importância de participar das sessões Legislativas.

@@ Nem sequer um membro do grupo de forró “Vem pra Rua”, aqueles senhores caras-pintadas que organizaram manifestação em 2013, com direito a passeata pela cidade de Vilhena, não apareceram por lá. Pior do que isso: aquelas pessoas que ficam criticando as ações de políticos pelo face e que estão tão preocupadas com a sociedade deram uma passadinha pelas bandas do Legislativo para ver o que estava sendo lido e votado pelo edis.

@@ Isto faz lembrar a citação do influente dramaturgo e poeta alemão Bertolt Brecht quando assegura: “O pior analfabeto é o analfabeto político. Ele não ouve, não fala, nem participa dos acontecimentos políticos. Ele não sabe o custo de vida, o preço do feijão, do peixe, da farinha, do aluguel, do sapato e do remédio dependem das decisões políticas. O analfabeto político é tão burro que se orgulha e estufa o peito dizendo que odeia a política. Não sabe o imbecil que, da sua ignorância política, nasce a prostituta, o menor abandonado, e o pior de todos os bandidos, que é o político vigarista, pilantra, corrupto e lacaio das empresas nacionais e multinacionais”.

@@ E é exatamente isso que estamos vivendo. Em Vilhena, há muito analfabeto político que estufa o peito e não participa das decisões do município. Isso chama-se hipocrisia. Com a presença do cidadão, os vereadores têm que mostrar serviço e vão tirar o pé do chão. Mas se o cidadão não se importa com isso, o caos em setores públicos considerados essenciais é inevitável. Então esperamos ver todos na próxima sessão da Câmara, na terça-feira, às 08h00.

@@ E falando em Legislativo. Temos que elogiar a atitude do vereador Jairo Peixoto, que apresentou indicação para acrescentar a informação “Com apresentação de Carteirinha”, nas placas de trânsito destinadas para vagas de idosos e portadores de deficiência. Segundo o vereador, isto evitará transtornos à comunidade.

@@ A vereadora Maria José da Farmácia, apresentou uma indicação diferenciada em plenário. Ela quer implantar em Vilhena o teste da “linguinha”. Não é nada disso que você, assíduo internauta do Extra de Rondônia está pensando. Trata-se de um teste para os recém-nascidos, que identificará problemas relacionados ao frênulo e membrana da língua. Está explicado!

@@ “Fiquei chateado”. Essas foram as palavras do vereador Júnior Donadon, em plenário, ao saber, através de um jornalista deste site, da decisão da Justiça em retirar nomes em escolas que levavam o sobrenome “Donadon”. Ocorre que duas escolas municipais levam o nome dos seus pais, Angêlo Mariano Donadon e Dalila Donadon, falecidos em acidente de trânsito.

@@ Alguém da prefeitura municipal tem que se pronunciar a respeito do caos instalado na saúde pública em Vilhena. Ambulância abandonada há cinco anos e caindo aos pedaços, e obras inacabadas são alguns dos exemplos de como é tratado o setor. Por hoje é só. Amanhã tem mais!

 

 

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Extra de Rondônia

banner 728×90 1

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO