Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

 

caminhão-capaNa manhã de quarta-feira, 5, a Polícia Rodoviária Federal recuperou uma carreta Scania rodo trem nove eixos, que foi roubada no estado do Mato Grosso.

De acordo com a vítima Vanderlei Navier, 46 anos, que pediu para não ter sua foto divulgada, por medo de represaria;  ele estava parado numa lanchonete na BR-070, na cidade de Barra do Garça, quando por volta das 10h00, desceu do  caminhão foi até ao garote com água para lavar as mãos, neste momento foi abordado por três homens armados, que colocou uma sacola plástica em sua cabeça, em seguida entraram na carreta e um dos assaltantes assumiu o volante.

Ainda segundo o motorista, os ladrões percorreram cerca de 100 quilômetros, então pararam e ordenaram que ele entrasse numa mata sem olhar para trás.

Após perceber que os marginais haviam ido embora, saiu para a rodovia e pediu ajuda. Foi até ao município de General Carneiro e procurou a delegacia onde registrou a ocorrência.

A notícia do roubo se espalhou rapidamente entre os caminhoneiros que passaram a procurar a carreta. Um colega de profissão que passava pela BR-364, viu o veículo pesado estacionado num posto de combustível em Vilhena.

Rapidamente acionou a PRF que foi até ao local e constatou que se tratava do rodo trem roubado, o motorista que ainda dormia dentro do caminhão foi preso em flagrante e encaminhado para Delegacia de Polícia Civil.

Porém, segundo a polícia para não atrapalhar as investigações o nome do suspeito não será divulgado no momento.

caminhão-1

 

Fonte: Extra de Rondônia

Texto e Fotos: Carlos Franco

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO