dengue 728×90 – 2
Prefeito Zé Rover numa das visitas que fez à redação do Extra de Rondônia
Prefeito Zé Rover numa das visitas que fez à redação do Extra de Rondônia

Através de sua assessoria de imprensa, o prefeito de Vilhena, Zé Rover, se manifestou a respeito de um dos motivos pelo qual suas contas relativas ao exercício 2012 foram reprovadas pelo Tribunal de Contas do Estado de Rondônia (TCE/RO).

O endividamento do Município, que somam R$ 12 milhões, seria em virtude de dívidas deixadas por administrações anteriores no INSS.

Em contato com o Extra de Rondônia, o secretário municipal de comunicação (Semcom), José Serafim, explicou que o prefeito assumiu a dívida, automaticamente, ao assumir o primeiro mandato, em janeiro de 2009. “O rombo deixado pelas gestões anteriores supera os R$ 12 milhões, e o Município teve que arcar com as conseqüências”, esclareceu o assessor.

Segundo ele, os R$ 12 milhões foram parcelados pela prefeitura, em parcelas mensais de R$ 280 mil. O montante, de acordo com Serafim, já foi pago, o que permitiu que o Município não esteja incluído no Cadin (órgão federal, espécie de SCPC dos Municípios) e recebe recursos federais para execução de obras.

Ainda, conforme o titular da Semcom,  existe uma dívida de 2012 (feita devido ao pagamento de R$ 12 milhões) que foi parcelada e está sendo pago mensalmente. “Esse parcelamento está sendo pago em dia. É uma prova de que a administração municipal cumpre com seus compromissos”, avaliou.

Serafim se comprometeu a explicar os outros motivos que levaram à reprovação das contas de 2012 do mandatário vilhenense citadas em relatório do TCE/RO, como o aumento de despesa com pessoal, nos 180 dias anteriores ao final de mandato; falta de cumprimento das metas previstas no Plano Plurianual e a existência de saldo financeiro menor na conta do Fundeb.

 

>>> Leia mais a respeito do assunto no link abaixo:

Por endividar município, Zé Rover tem contas reprovadas pelo TCE; confira decisão

 

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Extra de Rondônia

dengue 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO