Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

estupro-capaO fato aconteceu na noite desta quarta-feira, 19, por volta das 21h20, no bairro Embratel, em Vilhena, mas a polícia chegou à vítima por volta das 05h00.

De acordo com informações colhidas pela reportagem do Extra de Rondônia, a Central de Operações de Polícia Militar recebeu informações que no bairro citado uma mulher havia sido molestada sexualmente.

Assim que chegou ao local encontrou a vítima L.A.W; 32 anos, ela relatou aos militares que na noite desta quarta-feira, estava caminhando pela rua quando foi abordada por um homem conhecido como “Neguinho” ainda segundo a vítima o suspeito lhe devida certa quantia em dinheiro.

O acusado que estava de motocicleta pediu para a mulher ir até sua casa receber o valor devido. Assim que chegou ao local, “Neguinho” a levou para dentro de um quarto e juntamente com outro elemento conhecido por “Doceiro” estupraram a vítima. Somente por volta das 05h00 L.A; conseguiu fugir, acionando a Polícia Militar, mas os acusados empreenderam fuga antes da chegada da guarnição.

O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil para as devidas providencias que o fato requer.

 

Fonte: Extra de Rondônia

Texto e Foto: Carlos Franco

 

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO