dengue 728×90 – 2

vec perde para brasilienseO VEC saiu de campo derrotado na noite desta quarta-feira (26) pelo Brasiliense-DF por 1 a 0, no estádio “Boca do Jacaré”, em Taguatinga, pelo jogo de ida da segunda fase da Copa Verde 2014.

 

Após a estreia com vitória no Rondoniense-2014, o VEC entrou em campo disposto a manter o mesmo ritmo. Mas quem chegou com perigo inicialmente foi o Brasiliense-DF. A menos de um minuto, Peninha passa por seu adversário e finaliza, mas o goleiro Wagner defende. Na sobra, Luiz Carlos completa para o fundo das redes, porém o árbitro Rudimar Goltarra assinala a marcação do impedimento.

 

Aos 8’, o VEC chega pela primeira vez com perigo. Em jogada individual, Roallase arrisca de fora da área e por pouco não surpreende o goleiro Welder. Dois minutos depois, após cruzamento na área, o volante Baiano tenta fazer o domínio da bola e acaba ‘furando’. No lance, a pelota sobra para Maycon que desperdiça a oportunidade de abrir o placar.

 

Após dois sustos, o Brasiliense retorna ao ataque, desta vez, com objetividade. E aos 13’, Ramón rolou para o volante Baiano, que apenas teve o trabalho de finalizar para o fundo das redes, fazendo 1 a 0 para o time da casa.

 

Aos 24’, Maycon passa por Felipe e cruza na área para Willian Santos, que cabeceia para para o gol, mas o goleiro Welder salva o Brasiliense-DF.

 

Após acompanhar a movimentação da partida, a equipe do Brasiliense-DF passa a caçar o meia Edilsinho e sofre três faltas seguidas.

 

Aos 32’, Luiz Carlos chega com perigo novamente e por pouco Marinho não completa contra o próprio patrimônio.

 

Aos 45’, o zagueiro Marinho finaliza, mas o goleiro Welder espalma. No minuto seguinte, Kukau encontra Edilsinho, livre, que finaliza, mas o arqueiro volta a salvar o clube candango.

 

Para a segunda etapa, o Lobo do Cerrado retorna a campo tentando explorar o contra-ataque, enquanto que o Brasiliense-DF vai ao ataque em busca do segundo gol. Porém, quem chega com perigo é o VEC. Aos cinco minutos, Alex Sorocaba tem a oportunidade de deixar tudo igual, mas acaba desperdiçando a oportunidade.

 

Aos 14 minutos foi a vez do Brasiliense. Felipe chega com perigo e finaliza, mas o goleiro Wagner realiza grande defesa, colocando para escanteio. Três minutos depois é a vez do zagueiro Tayron salvar o Lobo do Cerrado, após jogada de Zé Roberto.

 

Aos 23’, Roallase faz jogada e lança bola perigosa para o meio da área, mas o atacante Jal não consegue chegar no lance.

 

Aos poucos o Brasiliense-DF passa a sentir o cansaço e o nível técnico da partida cai consideravelmente. Já o VEC, diante de um placar magro, passa a administrar o resultado até o apito final do árbitro Rudimar Goltara.

 

Aos 46 minutos, o goleiro Wagner espalma para o meio da área e Felipe perde uma chance incrível de ampliar o marcador.

 

Com o resultado, o Lobo do Cerrado precisa vencer por mais de um gol para avançar à semifinal. Já o Brasiliense-DF joga por um simples empate.

 

As duas equipes retornam a campo no próximo dia 9 de março, às 16 horas (horário de Rondônia), no estádio Portal da Amazônia, em Vilhena.

 

Ficha Técnica

Brasiliense-DF 1 x 0 VEC

Local: estádio Serejão (em Taguatinga-DF);

Árbitro: Rudimar Goltara (ES);

Auxiliares: Leone Carvalho Rocha (GO) e Bruno Raphael Pires (GO);

Público pagante: 493 torcedores; Renda: R$ 1078,00;

Gol: Baiano aos 13’ do 1º;

Cartões amarelos: Felipe e Ramón (Brasiliense); Marinho (VEC);

Brasiliense-DF

Welder; Felipe, Cauê, Fábio Braz e Jorge Henrique; Baiano (Thomaz), Júlio Bastos, Zé Roberto, Ramón (Dedê) e Peninha; Luiz Carlos (Laécio). Técnico: João Carlos Cavalo.

VEC

Wagner; Tayron, Alex Barcellos e Marinho; Rocha, Willian Santos, Kukau, Edilsinho (Thiaguinho) e Maycon (Almir); Alex Sorocaba (Jal) e Roallase. Técnico: Marcos Birigui.

brasiliense

Autor: Futebol do Norte

Foto: Brasiliense FC

dengue 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO