Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

DSC_0790Nas imediações da nascente do córrego o Município está construindo um parque municipal, mas o principal idealizador da proposta, o secretário adjunto da Secretaria Municipal de Turismo, Indústria e Comércio (Semtic), Dari de Oliveira assegura que as ações feitas por alunos da Escola Zilda da Frota Uchoa, liderados pela professora Ana Néri, serão mantidos.

Ele declarou que seria um contra-senso criar um local com características de reduto ecológico destruindo ações que já vinham sendo desenvolvidas no mesmo sentido. “Não apenas o trabalho dos alunos do Zilda será tratado com muito carinho, como também plantaremos mais duas mil mudas de árvores nativas de diversas espécies”, garantiu.

Oliveira informou que o projeto prevê impacto mínimo nas características do local, e que o resultado final trará orgulho aos vilhenenses. “A proposta que o prefeito Rover nos autorizou a colocar em prática resultará na criação de um ponto de turismo ambiental de destaque em Rondônia e na Região Norte”, finalizou.

A PROPOSTA

O parque municipal, que de acordo com Dari de Oliveira será chamado de Parque Municipal Marechal Rondon, contará com uma pista de caminhada, com aproximadamente 1.3 mil metros, com árvores, plantas e iluminação, que se finaliza ao lado do Instituto Federal de Rondônia (IFRO). Chegando ao parque haverá um outro percurso de caminhada que liga o parque à Casa de Rondon, marco histórico que será revivido pelo projeto.

Além disso haverá quiosques para que as famílias possam passar o dia tranquilamente, além de tirolesa e um restaurante para atender melhor os visitantes, e estacionamento exclusivo. “Nosso objetivo é fazer com que o vilhenense tenha um local seguro, e ao mesmo tempo que valorize o contexto histórico ao qual ele está inserido. Assim as pessoas poderão ter um local para se exercitar, e ao mesmo tempo ter momentos de lazer”, explica Dari de Oliveira.

O idealizador do projeto já tem experiência no assunto. Dari foi o responsável pela construção de algumas praças de Vilhena como, por exemplo, a Praça do mensageiro. Ele foi o responsável pela plantação de boa parte da arborização pública municipal. Para se ter uma ideia as árvores da Avenida Brigadeiro Eduardo Gomes foram projeto de Dari de Oliveira, além das Palmeiras Imperiais na Avenida Major Amarante, e as Cibipriunas, que até hoje permanecem nas demais vias urbanas.

A ÁREA

O local onde será construído o novo parque municipal é o mesmo onde funcionava a antiga cascalheira, jazida que serviu para a construção o aeroporto municipal Brigadeiro Camarão. Após a diminuição de cascalho na região o local virou uma espécie de ponto de desova de entulhos, que fica ao lado de uma nascente do Rio Barão do Melgaço.

 

O parque será parecido com este à frente da imagem
O parque será parecido com este à frente da imagem

 

 

Dari garante que a obra não trará nenhum impacto ambiental
Dari garante que a obra não trará nenhum impacto ambiental

 

DSC_0791

 

 

 

Fonte – Extra de Rondônia

Texto – Da Redação

Fotos – Mario Quevedo

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO