Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
O meia chileno Valdivia ressaltou o grande público presente no estádio “Portal da Amazônia”
O meia chileno Valdivia ressaltou o grande público presente no estádio “Portal da Amazônia”
Estamos em guerra 468×60

O meia Valdivia diz ao site do Palmeiras, que o gramado ruim do campo do estádio “Portal da Amazônia” atrapalhou um pouco o jogo desta quarta-feira,12, válido pela Copa do Brasil.

No confronto esportivo, o Palmeiras levou a melhor, vencendo o VEC pelo placar de 1 a o. Porém,não garantiu o jogo de volta, que ocorrerá no dia 10 de abril, no estádio Pacaembu, em São Paulo.

Segundo o “Mago”, o resultado adquirido fora de casa não muda o regulamento da competição, que reforça a eliminação do jogo de volta da primeira fase caso o visitante vença a equipe mandante por dois ou mais gols de diferença. “O campo atrapalhou um pouco. Nós temos uma maneira de jogar e não conseguimos aplicá-la”. “Agora, é pensar no jogo de volta, pois a única coisa que muda é que não conseguimos eliminar a segunda partida, mas ganhamos e, agora, pensaremos na Ponte Preta”, ponderou o craque, exaltando a importância do próximo compromisso do Verdão.

Valdivia ressaltou o grande público presente no estádio Portal da Amazônia e mandou um recado aos torcedores alviverdes: “A gente agradece o carinho. Desde que chegamos aqui, fomos bem tratados. Jogamos em um campo lotado, com torcida nossa e do time deles. Só podemos agradecer toda a recepção dessa cidade que nos acolheu muito bem”.

Texto: Extra de Rondônia / Palmeiras.com.br

Foto: Extra de Rondônia (Matias Siqueira)

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO