Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

 

caminhão-capa-1A Polícia Rodoviária Federal registrou, na tarde deste sábado, 15, por volta das 16h00, um acidente ocorrido no Km 45, da BR-364, cerca de 30 quilômetros de Vilhena, sentido Porto Velho.

De acordo com informações colhidas no local pela reportagem do Extra de Rondônia, Cristiano Aparecido, 24 anos, dirigia uma carreta Volvo FH-12 bi trem, de cor branca, placa IJK-8248/Sapezal-MT.

Segundo o condutor do caminhão, ele saiu de Vilhena com destino a Porto Velho carregado com sacas de farelo, quando chegou numa curva próximo ao Km 45 e se deparou com enormes buracos na pista. Com isso tentou desviar, mas, para não bater de frente com outra carreta, que vinha em sentido contrário, puxou para sua direita. Essa manobra fez com que o veículo saísse da rodovia e tomba-se.

Parte da carga se espalhou ao lado da via e a carreta ficou deitada de lado. O motorista sofreu ferimentos nas mãos e nas pernas, mas não foi preciso ser socorrido ao hospital.

Quando as equipes de reportagens do Extra de Rondônia e da Rede TV se deslocavam para o local do acidente, buracos na pista estouraram o pneu dianteiro direito do carro que transportava os comunicadores, colocando a equipe em risco.

Entretanto, outro veículo foi solicitado para que os repórteres pudessem chegar ao local. Mas quando faltava cerca de 200 metros para chegar onde a carreta estava tombada, os mesmos buracos que fez com que o carreteiro tombasse, também deu mais prejuízos, pois o pneu dianteiro direito bateu no buraco e estourou. Mas a equipe saiu ilesa. Nos dois casos,  houve apenas danos materiais.

caminhão-1

caminhão-2

caminhão-3

caminhão-4

caminhão-5

caminhão-6

caminhão-7

caminhão-8

DSC_0018

DSC_0024

DSC_0027

DSC_0025

DSC_0031

Fonte: Extra de Rondônia

Texto e Fotos: Carlos Franco      

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO