Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

1632014-102428-pms_candeiasO sargento da Polícia Militar Sandro de Oliveira Rodrigues, de 44 anos, foi morto após troca de tiros com dois assaltantes que haviam realizado roubo em Candeias do Jamary. Outro soldado, Tiago Noronha de Alencar, 23 anos, foi baleado no braço. Dois criminosos também morreram.

Segundo informou a Polícia Militar na manhã deste domingo, dois homens invadiram uma residência na Rua Amapá, fizeram os donos reféns e procuravam por dinheiro. A PM foi acionada e fez o cerco. O sargento e o soldado entraram na residência e foram recebidos a tiros pelos criminosos. Sandro foi baleado na cabeça e Tiago no braço. Na ação, os criminosos também foram atingidos.
Socorridos a um hospital de pequeno porte de Candeias, e devido a gravidade do caso, o sargento foi removido a Porto Velho, mas morreu durante a madrugada. Um dos criminosos já chegou morto na unidade de saúde e outro morreu horas depois.

De acordo com o Boletim de Ocorrências 575-2014 registrado na Delegacia de Candeias do Jamari, o Centro de Operações acionou a guarnição do sargento Sandro para atender a uma ocorrência de roubo a residência. Os policiais militares chegaram e encontraram os dois criminosos apontando armas para as vitimas. Um dos ladrões gritava a todo instante que “a fita havia sido passada”. O sargento entrou na casa se identificou como policial e foi atingido na cabeça, Noronha, no braço.

A guarnição do cabo Facin, Enisson e D. França que também havia sido acionada ao ver os dois policiais caídos, revidou, atingindo os dois acusados. Os policiais e um dos criminosos foram socorridos a um Hospital de Pequeno Porte local. O bandido morreu. O sargento e o outro criminosos foram levados ao Pronto Socorro João Paulo II, mas morreram. Um dos acusados foi identificado como sendo Pedro Oliveira Souza, 23, residente em Porto Velho.

Autor e foto: Rondoniagora

 

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO