Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Vivaldo carneiro visitou a redação do site para esclarecer acusações
Vivaldo Carneiro visitou a redação do site para esclarecer acusações
Estamos em guerra 468×60

Em visita ao Extra de Rondônia, o secretário municipal de saúde, Vivaldo Carneiro, esclareceu acusações feitas na última semana e anunciou investimentos na ordem de R$ 13 milhões que serão aplicados na área da saúde em Vilhena.

Ele disse que, após tomar conhecimento da denúncia do médico oftalmologista, Rafael Albuquerque, determinou que uma equipe de trabalho realizasse melhorias na Policlínica João Luiz da Silva, para resolver os problemas apontados na matéria veiculada pelo Extra de Rondônia.

Vivaldo admitiu que os centros de saúde da cidade têm problemas, mas informou que quase todos estão passando por reformas e melhorias. “O objetivo é ampliar e melhorar o serviço oferecido à população”, disse o secretário.

Ele também esclareceu as acusações referentes à supostas obras inacabadas na cidade. Segundo ele, isso não existe, já que todas as obras estão sendo executadas conforme a liberação de convênios e verbas públicas.

Com relação a reclamações a respeito da entrega dos exames de mamografias, o secretário avaliou que atualmente são feitos 85 exames por mês, que são entregues no prazo de 15 dias. Contudo, ele anunciou uma boa notícia: a compra do aparelho de mamografia. Entretanto, ainda o equipamento não está em funcionamento porque – segundo ele – precisa da montagem da empresa.

Entre outros assuntos, Vivaldo frisou que a secretaria de saúde está investindo na saúde primária, ampliando o número de equipes do Programa de Saúde da Família (PSF). “No início da administração do prefeito José Rover, o município contava com apenas quatro equipes de PSF. Hoje o número foi ampliado para dezoito. E com a chegada dos médicos cubanos, esse número vai aumentar para 29 equipes. Assim, as famílias vão ser atendidas em casa com uma saúde preventiva, diminuindo o fluxo de pacientes nos centros de saúde e também no Hospital Regional”, observou.

A respeito do investimento de R$ 13 milhões no setor, ele informou que serão usados na realização de várias obras, entre elas, a construção de um centro de saúde no Setor 12, e a construção de uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA) no Setor 6. “A saúde de Vilhena tem problemas, mas estamos trabalhando para tentar oferecer o melhor atendimento possível para nossa população”, finalizou.

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Carlos Franco

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO