Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

DSC_0107Autor confesso de ter assassinado a tiro de espingarda o morador, Afonso, e disparado contra Robson Fernando, na Linha “Farinheira”, em Corumbiara, Edilson Gomes Martim, 38, foi inocentado pelos jurados em julgamento no plenário, manhã desta sexta-feira, 11, em Vilhena.

O crime teria ocorrido em 2010, quando a vítima foi tirar satisfações á respeito de uma fofoca que o amigo Robson teria lhe contado. Afonso não teria gostado da atitude de Edilson, de ter falado que o mesmo não “valia nada”. Quando encontrou o acusado, Afonso fez ameaças e falou que ia tirar a história a limpo.

Não satisfeito em resolver o assunto sozinho, Afonso, que era considerado um homem perigoso convidou o amigo Robson a ir até à casa de Edilson para colocar a limpo a conversa. Neste intervalo de tempo, Edilson se armou de sua espingarda temendo por sua vida.

Uma breve discussão teria surgido, e sem saber que ambas as vítimas estavam desarmadas, Edilson pegou a espingarda e a vítima, Afonso, partiu para cima dele na tentativa de desarmá-lo, foi quando recebeu um disparo no peito. Na eminência do crime, Robson correu e foi alvejado de longe por um disparo que atingiu sua perna e as nádegas.

Os jurados acataram a tese de legítima defesa e absolveram o acusado que não tinha antecedentes criminais.

Fonte: Extra de Rondônia

Texto e Foto: Matias Siqueira

 

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO