Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

 

foragida-capaEdilamara Trindade da Silva, 39 anos, acusada de tentar matar Lucimar da Silva, 49 anos, mais conhecido como “Lúcio” a golpes de ferro, foi detida pela Polícia Militar no final da tarde desta quinta-feira, 17, na Rua José de Alencar, centro de Vilhena.

De acordo com informações colhidas pela reportagem do Extra de Rondônia, a suspeita estava em sua casa no endereço citado, quando uma policial civil passou e avistou a mesma na residência e pediu apoio a Polícia Militar.

De imediato uma Rádio Patrulha foi até ao local e deu cumprimento ao mandado de prisão preventiva expedido pela 1ª Vara Criminal da Comarca de Vilhena no dia 15 de abril.

Edilamara é suspeita de tentar contra a vida do seu próprio tio “Lúcio” no dia 29 de março, a tentativa teria acontecido na residência da vítima, localizada na Rua Jamari, bairro São José, em Vilhena.

Na ocasião ela teria golpeado a cabeça do tio por várias vezes com um pé de cabra e uma barra de ferro conhecida como ponta de eixo.

Fonte: Extra de Rondônia

Texto e Foto: Carlos Franco 

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO