Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

 

Imagem 020O fato ocorreu na noite deste domingo, 27, por volta das 22h15, na Avenida Aracaju, bairro Parque Novo Tempo, em Vilhena.

De acordo com informações obtidas pela reportagem do Extra de Rondônia, a Central de Operações da Polícia Militar, recebeu informação de uma testemunha, que três jovens haviam passado em frente sua casa em atitude suspeita e um deles carregava uma espingarda, entraram num barracão em construção e logo saíram.

Uma Rádio Patrulha foi até ao local indicado pela testemunha e em revista localizaram embaixo de uma tábua uma espingarda de pressão com luneta e uma bolsa com objetos eletrônicos. Porém não localizaram os infratores.

Ao observarem que a polícia havia descoberto o esconderijo dos objetos furtados, os menores foram até a casa da testemunha e o ameaçaram de morte dizendo “vou dar um tiro na sua barriga seu dedo duro”.

A PM foi solicitada novamente pela testemunha que passou as caraterísticas dos elementos e apontou para onde haviam fugido.

De imediato os militares fizeram buscas pela região e localizaram os adolescentes. Eles foram encaminhados para a Delegacia de Polícia Civil e identificados como J.F.G; 15  anos, J.F.G; 16 anos,(irmãos) e P.A.L; 14 anos. Este ameaçou a testemunha de morte, ele já tem mais de 20 passagens por furto. Segundo o menor ele falou a reportagem, “nasci bandido, sou bandido e vou morrer bandido, nada muda minha cabeça”.

O pai do adolescente que estava na delegacia falou que já tentou de tudo, mas não consegue ajuda do poder público para internar seu filho numa clinica de recuperação.

P.A.L; 14 anos, de camiseta branca, ameaçou a testemunha de morte.
P.A.L; 14 anos, de camiseta branca, ameaçou a testemunha de morte.

Imagem 023

Imagem 017

Fonte: Extra de Rondônia

Texto e Fotos: Carlos Franco

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO