Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

estrada-Pimenteiras- BOADevido às promessas não cumpridas pelo governo,  o Confúcio Moura, que tentará à reeleição nas eleições de outubro próximo, enfrenta uma das piores rejeições de sua gestão desde que assumiu o cargo, em janeiro de 2010.

Enquete que encerrou nesta quarta-feira, 30, comprova que os moradores do Cone Sul estão insatisfeitos com a atual administração estadual. Na enquete, o site queria saber dos internautas, se eles acreditavam que o início do asfalto entre Cerejeiras e Pimenteiras, prometido pelo governador em fevereiro passado, sairia realmente do papel em abril. 74% dos internautas participantes não acreditam que a obra iniciasse. Outros 16% tinham a esperança que as máquinas começassem a obra. Por outro lado, 10% decidiram por não fazer comentários. Ao todo forma 283 participantes.

NOVA ENQUETE

Agora, o Extra de Rondônia quer saber a opinião dos internautas a respeito de um assunto que tem provocado polêmica em Vilhena. Trata-se dos casos de abuso sexual em menores. No início desta semana, a justiça decretou a prisão preventiva de um motorista que confessou o crime. Diante da situação, o site quer saber como os abusos podem ser evitados na cidade.

Cinco alternativas foram disponibilizadas: reforçar a segurança pública, pais orientando os filhos, realização de campanhas educativas em escolas, punindo com mais rigor os acusados e proibir a permanência de menores nas ruas em horário noturno. Participe, clicando numa das opções na enquete que está no lado direito da tela da página eletrônica.

ENQUETE ASFALTO

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Extra de Rondônia

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO