Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

 

IMG_3690O fato aconteceu na manhã desta terça-feira, 6, por volta das 08h00, na Rua Juruá, município de Colorado do Oeste.

De acordo com informações obtidas pela reportagem do Extra de Rondônia, a Polícia Militar foi chamada para atender um caso onde um homem identificado como Maike Mendes de Melo, 22, estava tentando contra sua própria vida.

Assim que a polícia chegou ao local encontrou o rapaz dentro da residência totalmente fora de controle, ele tinha em suas mãos uma faca e um martelo, dizia que tinha aberto o gás do fogão e iria explodir a casa. Um policial militar se aproximou para conversar o agente, mas ele arremessou um copo quebrado que atingiu a mão do PM, tendo que ser socorrido ao hospital, onde levou três pontos.

Um forte aparato policial foi montado no local. O Corpo de Bombeiros de Cerejeiras, e o Grupo de Operações Especiais (GOE) de Vilhena, foram acionados para dar apoio nas negociações, com o jovem, que estava decido a tirar a própria vida.

A conversa entre o negociador do GOE e a vítima foi muito difícil, pois ele estava irredutível, mas por volta das 15 horas, o homem resolveu se entregar; saiu do imóvel com a faca e o martelo na mão, entrou numa viatura e agrediu um policial com um soco.

De imediato, foi mobilizado e levado para o hospital municipal para ser medicado devido ao seu estado. Até o momento a polícia divulgou apenas que o rapaz tomou tal atitude por estar com problemas familiares. O caso foi registrado na Delegacia de Polícia Civil de Colorado.

IMG_3692

IMG_3786

IMG_3768

IMG_3708

IMG_3790

IMG_3707

IMG_3795

IMG_3797

Fonte: Extra de Rondônia

Texto: Carlos Franco/com informações de Gisa Muller

Fotos: Gisa Muller

 

 

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO