Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Ivo Cassol foi condenado por fraude em licitação
Ivo Cassol foi condenado por fraude em licitação
Estamos em guerra 468×60

Condenado pelo Supremo Tribunal Federal por fraudar licitação quando era prefeito de Rolim de Moura, o senador Ivo Cassol (PP) deverá iniciar o cumprimento de sua pena de 4 anos, 8 meses e 26 dias de detenção em plena campanha eleitoral, em que pretende lançar sua irmã, Jaqueline Cassol, candidata ao Governo.

Mesmo tendo sido condenado ao regime semiaberto, Cassol não poderá participar de comícios nem de outras reuniões políticas no Estado depois das 18h00, a não ser no distrito  em que estiver cumprindo a pena. Ele também estará sem mandato de senador e ainda será obrigado a usar uma tornozeleira.

Na prática, o hoje senador não poderá se deslocar pelo Estado para fazer campanha eleitoral porque durante à noite terá de se recolher ao local de cumprimento da pena, também não podendo, sem autorização judicial,  deixar a localidade onde estiver cumprindo a sentença do STF.

Na última terça-feira,  27, o STF publicou o acórdão da sentença que condenou Cassol. Nesta quarta,  28, a defesa do senador protocolou os chamados embargos de declaração, um tipo de recurso que serve apenas para solicitar esclarecimentos a respeito de omissões ou pontos obscuros na sentença.

Uma vez julgados os embargos, que também podem ser declarados protelatórios, situação em que será aplicada uma multa a Cassol, o senador poderá começar a cumprir sua pena, e também sobrevirá a conseqüente perda do mandato. Tudo deverá coincidir com a campanha eleitoral.

Texto: Tudo Rondônia

Foto: Divulgação

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO