dengue 728×90 – 2

Regional (1)O Juíz de Direito, Bruno M. Ribeiro dos Santos, de Cerejeiras, conduziu um julgamento oriundo de uma denúncia feita por Fabiana Martins, moradora desse município, contra o Hospital Regional Adasmartor Teixeira de Oliveira, em Vilhena.

Segundo a denunciante, ao dar entrada na casa de saúde, sentindo dores de parto, necessitando de uma intervenção cesariana, fora recomendado pelo médico de plantão que voltasse para casa, pois não era necessária a cirurgia, e que passaria por parto normal.

Fabiana foi encaminhada a Vilhena pela equipe médica do hospital de Cerejeiras, pois seu caso era grave e era necessária a cesariana. Ela procurou a casa de parentes, em Vilhena, e sentindo evolução das dores, recorreu novamente ao Hospital Regional.

Na segunda tentativa, fora atendida. Entretanto, a criança nasceu morta. A justiça requereu um parecer técnico, o qual constatou variação de ritmo cardíaco e afirmou que a gravidez era de risco, e que o bebê poderia morrer.

Na sua decisão, proferida no início de junho, o magistrado reconheceu a denúncia e condenou o município de Vilhena a pagar R$ 160 mil, com correção monetária, tendo em vista que o caso aconteceu em abril de 2010.

 

Fonte: Extra de Rondônia

Texto: Da Redação

Foto: Extra de Rondônia

dengue 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO