Estamos em guerra governo 728×90  – ALE celular 300×250
Estamos em guerra 468×60

DSC_0029O vereador Junior Donadon (PMDB) vice-presidente da Câmara de Vereadores de Vilhena visitou na manhã deste sábado, 21, as instalações do Instituto do Rim de Rondônia (IRR) para conhecer de perto o trabalho desenvolvido no local, bem como conferir os resultados obtidos pelos pacientes através do serviço de hemodiálise oferecidos aos moradores de Vilhena, municípios do Cone Sul e noroeste do Mato Grosso.

Junior Donadon mostrou-se preocupado com as necessidades enfrentadas pelo Instituto do Rim, e durante a visita informou aos responsáveis pelo local sobre a aprovação de um requerimento proposto por ele na última sessão ordinária da Câmara de Vereadores, realizada no dia 17 de junho, o qual requer ao Poder Executivo estudos para a criação de um projeto de lei que permita isenção de tributos municipais ao órgão.

O sócio proprietário do IRR, Alexandre Steffens, que atendeu o vereador durante a visita, relatou que o instituto quer formalizar a parceria já existente com o município para que, em troca da cobrança de tributos, o IRR forneça mais consultas através do SUS, além de criar um sobreaviso para atendimento no Hospital Regional de Vilhena, e realizar serviços de hemodiálise na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

O parlamentar vilhenense se comprometeu em manter contato com o Poder Executivo para iniciar uma conversação em busca de um acordo. “Estamos abertos a negociação, e o que queremos é continuar realizando nosso trabalho”, enfatizou Alexandre Steffens.

O Instituto do Rim de Rondônia atende, atualmente, 82 pacientes que fazem hemodiálise, além de realizar consultas através do Sistema Único de Saúde (SUS), e atendimento de segunda a sábado, independentemente de feriados. Ao todo a equipe do IRR é composta por 11 técnicos de enfermagem, um enfermeiro, gerente, auxiliar administrativos, técnicos de manutenção, psicólogo, nutricionista, e equipe de apoio.

O local é mantido através de convênio firmado com o Governo Federal. O repasse é depositado na conta do município de Vilhena, que por lei, tem até cinco dias úteis para efetivar o repasse ao instituto, que realiza manutenção de seus custos operacionais com esse repasse.

DSC_0020

DSC_0035

Fonte: Extra de Rondônia

Texto: Da Redação

Foto: Divulgação

estamos em guerra 728×90 2
covid 468×60

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO