A vítima foi executada com um tiro de espingarda na nuca
A vítima foi executada com um tiro de espingarda na nuca

O crime aconteceu na fazenda do Dagoberto, cerca de 90 quilômetros de Vilhena, área rural do município de Chupinguaia.

Segundo apurado no local com exclusividade pela reportagem do Extra de Rondônia, dois funcionários da fazenda estavam jantando por volta das 19h00, desta quinta-feira, 23, quando o terceiro empregado chegou por trás armado com uma espingarda e sem falar nada atirou na nuca da vítima identificado como Flávio Andrade de Souza, de 32 anos, em seguida mirou no outro homem e puxou o gatilho, mas o tirou não saiu.

Com isso, o rapaz saiu correndo para a mata, e ainda foi perseguido pelo atirador, que desistiu da perseguição pegou uma moto e fugiu.

O homem andou pela mata até chegar no distrito do Guaporé, onde avisou a Polícia Militar do ocorrido. Ao amanhecer a Rádio Patrulha da Polícia Rodoviária Estadual composta pelo Cabo PM Paulo Sérgio, Cabo PM Fantin e SD PM Cardoso, com apoio do Grupamento de Operações Especiais (GOE) e policiais militares do Guaporé, foram até ao local juntamente com a testemunha.

O acusado de atirar contra o companheiro de trabalho foi identificado como Reginaldo Bino do Nascimento, de 22 anos, ele foi localizado e preso na cidade de Chupinguaia. Na casa onde aconteceu o assassinato, embaixo do colchão, foi encontrado um revólver calibre 38 e oito munições intactas.

A testemunha, as armas e o suspeito foram encaminhados da Delegacia de Polícia Civil. Após os trabalhos de praxe da perícia, o corpo da vítima foi liberado para a funerária São Matheus fazer a remoção.

Flávio teve morte instantanea
Flávio teve morte instantânea

dentro-3

Revolver calibre 38 encontrado embaixo do caxão com oito munições
Revolver calibre 38 encontrado embaixo do colchão com oito munições

DSC_0003

Reginaldo Bino do nascimento acusado de assassinar Flavio.
Reginaldo Bino do Nascimento acusado de assassinar Flavio

DSC_0009

DSC_0007

DSC_0031

DSC_0026

arma e acusado (1)

Reginaldo não revelou o motivo de ter assassinado Flávio
Reginaldo não revelou o motivo de ter assassinado Flávio

Texto: Extra de Rondônia

Fotos: Extra de Rondônia

 

 

sicoob credisul
vacina 728×90