extra julgamentoAcusado de matar a tiro Ricardo Gomes da Silva no dia 15/10/2007 na Avenida 1707, Bairro Cristo Rei, em Vilhena, Antônio Marcos Ramos de Arruda foi julgado, mas não compareceu nesta quarta-feira, 5, no plenário do Fórum municipal e mesmo assim foi absolvido.

Antônio foi denunciado e pronunciado pela prática do crime de homicídio de que foi vítima Ricardo Gomes da Silva. Submetido ao julgamento pelo Egrégio Tribunal do Júri, o Conselho de Sentença reconheceu a materialidade delitiva, bem como acolheu a tese de negativa de autoria, por insuficiência de provas, absolvendo o acusado.

O julgamento que terminou em tempo recorde teve o mesmo pedido feito pela defesa e acusação aos jurados, para que absolvessem o réu pela falta de provas.

Na ocasião do crime, Antônio estava junto com o irmão Sidney Ramos, que já foi julgado e condenado pelo mesmo crime.

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Extra de Rondônia


COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO