João Cândido confessou que matou a ex-companheira e a filha dela
João Cândido confessou que matou a ex-companheira e a filha dela

A Polícia Militar do distrito do Guaporé prendeu na tarde desta terça-feira, 20, Janes Fernando Policiári, 49 anos. Ele é suspeito de esfaquear a namorada no último sábado, 17, no Setor 19, em Vilhena.

Porém, na realidade o nome verdadeiro do acusado é João Cândido de Araújo, 49 anos. Ele foi preso portando uma arma tipo garrucha com duas munições intactas.

Ao ser indagado, confessou que se desentendeu com a namorada e tentou matá-la a golpes de faca. Após cometer o crime, fugiu só de cueca levando apenas a arma de fogo.

Segundo o suspeito, ele passou numa casa onde não tinha cerca e furtou uma camiseta e um short Jeans. Seguiu pela Avenida Perimetral até sair na torre da Embratel. Depois continuou pela margem da rodovia para não chamar a atenção. Sua intenção era ir a pé até Rolim de Moura onde têm parentes.

Ainda de acordo com o acusado, confessou que o nome que usa é falso. Ele trocou o nome após matar sua ex-companheira e a filha dela na cidade de Cuiabá – Mato Grosso. O crime aconteceu no dia 23 de outubro de 2012. Deste então está foragido.

João tem mandado de prisão em aberto por homicídio qualificado, roubos, furtos, receptação entre outros.

O acusado foi ouvido pelo delegado de plantão e está à disposição da Justiça.

Texto e Foto: Extra de Rondônia

 

 

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO