11039399_444958312318141_274128313_n
Os menores fugiram pelo forro do alojamento

A fuga dos reeducando aconteceu na tarde desta quarta-feira, 1, por volta das 15h00, no abrigo dos menores, conhecido como Casa da Cidadania, localizada na Avenida Capitão Castro, ao lado da Casa da Detenção, centro de Vilhena.

Segundo informações coletadas pela reportagem do Extra de Rondônia, os dois menores de idades entre 16 e 17 anos estavam num alojamento próximo ao muro. No momento da chuva, os menores quebraram o forro, posteriormente o telhado e fugiram.

Foi comunicado a Polícia Militar que realizou diversas diligências pela localidade, porém, não obtendo êxito na recaptura dos fugitivos.

Agentes sócio-educadores relataram que os menores já estavam para receber a liberdade.

 

Rebelião

Na noite do dia 21 de março, os menores infratores realizaram uma rebelião que durou 12 horas. Um monitor foi perfurado por uma espécie de “chunchu”, arma branca artesanal, que atingiu a região do peito e braço do servidor público identificado como Leandro dos Santos Pereira, 28 anos.

Temendo por uma fuga dos rebelados, a Juíza da Infância e Juventude, Sandra Merenda, e a Juíza de Direito, Yara Travalon, solicitaram que a Polícia Militar ficasse entorno do abrigo durante o restante da noite.

O manifesto dos infratores chegou ao fim somente às 07h00 da manhã do outro dia após uma intervenção da PM e GOE.

 

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Arquivo E/R

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO