DSC_0505Os irmãos Elson Moreira da Silva e Leilson Ferreira da Silva foram julgados no plenário do Tribunal do Júri da comarca de Vilhena nesta quarta-feira, 8, pelos crimes de homicídio e estupro.

Segundo consta nos autos, os réus, no dia 10 de agosto de 2014, por volta das 22h00, no assentamento Maranata 2, Zona Rural do município de Chupinguaia, mataram Milton Ferraz Viana mediante disparos de arma de fogo. Um dos tiros atingiu o pescoço da vítima que morreu no local.

De acordo com a denúncia, ambos agiram em conluio e movidos pelo torpe motivo de desejar mulher alheia. Conforme foi apurado, Elson constrangeu a esposa da vítima a manter relações sexuais, enquanto Leilson colaborou com o crime, pois disparou uma tiro contra a vítima.

JULGAMENTO

O promotor João Paulo Lopes pediu aos jurados a condenação de ambos os réus pelos crimes praticado. Em sua versão, o crime foi por motivo torpe, e que a motivação seria o desejo de Elson pela mulher da vítima.

Já o defensor público George Barreto Filho argumentou que a suposta vítima do estupro tinha um caso extraconjugal com Elson, há dois anos, e que o laudo foi inconclusivo e sem provas, alegando que não tinha porque o réu estupra-la, ou até mesma deixa-la viva após o fato.

A defesa pediu a desqualificação de motivo torpe e do estupro para o acusado Leilson, alegando que ele não sabia do suposto desejo do irmão.

SENTENÇA

Após a réplica da acusação e tréplica apresentada pela defesa, os jurados votaram na sala secreta pela condenação dos irmãos.

Sendo a pena imposta para o réu Elson em 24 anos pelos crimes de homicídio e estupro e seu irmão Leilson em 15 anos e seis meses pelo homicídio, ambos em regime fechado.DSC_0502

Texto: Extra de Rondônia

Fotos: Extra de Rondônia

 

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO