covid19 – 728×90-2

jovensCom o objetivo de discutir o direito a terra e território, planejar a campanha em defesa das comunidades e povos do cerrado, e envolver a sociedade no debate da preservação da água, foi realizado, em Luziânia, Estado de Goiás, o “2º Encontro das Comunidades e Povos do Cerrado”.

O encontro, que iniciou no domingo, 26, e encerrou nesta terça-feira, 28, contou com a participação de cerca de 120 pessoas, sendo que grande parte é originária de comunidades tradicionais do Cerrado, indígenas, quilombolas, mulheres e homens camponeses, fundo e fecho de pasto. Participam também membros ou lideranças de associações, sindicatos, assentamentos, acampamentos, congregações religiosas, entre outros.

Os vilhenenses Wagner Machado e Adriane Appelt representaram Rondônia no encontro. “O cerrado precisa ser preservado para manter a caixa d’água que abastece as principais bacias hidrográficas do país, pois as nascentes e o abastecimento do lençol freático nas chapadas do Cerrado”, disse Adriane, que é presidente da Cooperativa do Cerrado Alto Parecis e coordenadora da direção estadual da CUT.

Para Wagner, que é acadêmico do curso de agronomia no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Rondônia (IFRO), a participação no encontro foi positiva. “Tivemos muitas trocas de experiência com vários representantes dos Estados que são contemplados com o bioma do cerrado. Outro ponto importante que devemos frisar é cobrar de nossos governantes para criarem políticas públicas de qualidade para desenvolvimento desta região e também fortalecer nossa identidade, articular e somar as forças em defesa do nosso Cerrado”, disse Wagner.

O evento foi organizado pela Articulação da Comissão Pastoral da Terra (CPT) do Cerrado, e teve como tema “Terra e Território defendidos: água e a biodiversidade preservadas”.

Durante o encontro foram analisadas propostas em grupo, para o desenvolvimento da Campanha em defesa das comunidades e povos do Cerrado, que será lançada nacionalmente no segundo semestre deste ano.

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Divulgação

sicoob credisul
covid19 – 728×90-1

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO