covid19 – 728×90-2
Anderson Bulhosa  mantém empresa de manutenção de celulares
Anderson Bulhosa mantém empresa de manutenção de celulares

Há cerca de dez dias, Anderson Bulhosa, que responde por empresa que presta serviços de manutenção de celulares agregado a agência de viagens, não tem sido mais visto em Vilhena.

Clientes, credores e amigos estão preocupados com o sumiço, e já tem gente comentando que Bulhosa pode ter dado um “golpe”, fugindo de compromissos assumidos.

Ex-presidente do Vilhena Esporte Clube (VEC) até cerca de quatro meses atrás – função da qual renunciou, o outrora cartola supostamente pagou um atleta do clube com cheque sem fundos.

Os rumores são intensos num dos pontos mais tradicionais de encontro do centro da cidade, a Banca do Zóio. Como o estabelecimento comercial de Anderson fica bem próximo do local, ele era visto com frequência por ali. A última vez que apareceu foi na sexta-feira 17. O celular do empresário está desligado desde então.

A reportagem do Extra de Rondônia esteve na loja confirmando com a vizinhança que há quase duas semanas as portas estão cerradas. Segundo o apurado foi exatamente na mesma sexta-feira em que foi avistado na banca de revistas.

A diretoria do VEC também confirmou não ter mais contato com Anderson há vários dias, “fato que nos deixa preocupados”, de acordo com José Natal Pimenta Jacob, o “Natalzinho”.

Entre os supostamente lesados pelo empresário está um jogador do Vilhena, que teria em mãos um cheque “frio” no valor de R$ 4,5 mil. Fontes dizem que o rapaz tem muitas dívidas no comércio e até mesmo com agiotas, cujo montante pode chegar a R$ 200 mil.

O site também apurou que Bulhosa não tem família em Vilhena e que seu único bem na cidade, uma casa, foi vendido por ele há algum tempo. Segundo conhecidos o ex-presidente desaparecido tem parentes em Porto Velho, para onde pode ter ido. A reportagem do Extra de Rondônia vai levantar mais dados sobre o ocorrido nas próximas horas, e ainda hoje será checado na Delegacia de Polícia Civil se existe algum registro de ocorrência acerca do caso.

 

Texto: Extra de Rondônia

Fotos: Extra de Rondônia

sicoob credisul
covid19 – 728×90-1

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO