Hosipital-RegionalO contador Cláudio Lima de Sousa, 48, entrou em contato com o Extra de Rondônia na manhã deste sábado, 2, para reclamar sobre o atendimento no Hospital Regional (HR) “Adamastor Teixeira de Oliveira”.

Segundo ele, não havia um profissional para aferir pressão dos pacientes que dão entrada na unidade de saúde.

O contador relatou que, mesmo sendo muito bem atendido pela recepcionista, fora informado que não havia profissional suficiente para realizar o atendimento, e teve que ir até outro setor do hospital para conseguir constatar que realmente estava passando mal. “Não fui apenas eu que enfrentei esse problema. Haviam idosos lá também”, relatou.

Por telefone, o diretor do HR, Adilson Rodrigues, disse ao site que o atendimento no local foi normal, e atribuiu a reclamação do paciente a questões políticas. “Isso é normal quando iniciam um processo eleitoral”, comentou.

A servidora Milene Aparecida de Oliveira relatou que há profissionais pra aferir a pressão, no entanto só ficam na área de triagem caso sejam chamados.
Texto: Extra de Rondônia

Foto: Extra de Rondônia

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO