covid19 – 728×90-2

 

Segundo a internauta, foi informada que dois médicos estavam no pronto-socorro, mas a fila não andava
Segundo a internauta, foi informada que dois médicos estavam no pronto-socorro, mas a fila não andava

Uma internauta entrou em contato com a redação do Extra de Rondônia, na tarde desta quinta-feira, 4, por volta das 14h30, relatando a demora no atendimento no pronto-socorro do Hospital Regional (HR), de Vilhena.

Segundo a denunciante, que pediu para não ser identificada com medo de represálias, ela passou mal e foi até a unidade de saúde. Chegou por volta das 09h00 e até as 14h00 ainda não tinha sido atendida.

De acordo com ela, pacientes chegaram do Distrito de Nova Conquista e também não foram atendidos. Um tumulto se formou no local da triagem, e – segundo a denunciante – quase foi agredida por servidores do hospital.

Ainda, segundo ela, foi informada que dois médicos estavam atendendo no pronto-socorro, mas devido à demanda ser muito grande, a demora era normal.

Depois de muitas discussões, por volta das 14h50, as pessoas começaram a serem atendidas.

A reportagem tentou entrar em contado com a direção do HR por várias vezes, mas sem sucesso. O Extra de Rondônia deixa espaço aberto a direção do hospital caso queira se pronunciar a respeito do acontecido.

IMG-20150604-WA0013

IMG-20150604-WA0012

IMG-20150604-WA0011

Texto: Extra de Rondônia

Fotos: Internauta

 

sicoob credisul
covid19 – 728×90-1

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO