Aj8HlLH5133EA2OaJclDym4rJTUWezXfDg5aQdZVOv1NO assalto com requintes de covardia e que resultou na prisão dos acusados foi registrado no final da manhã desta quarta-feira, 10, por volta das 11h45, no bairro Bela Vista, em Vilhena.

Segundo informações coletadas pela reportagem do Extra de Rondônia, ao receber informações de que o escritório de Gestão Ambiental e Contabilidade, localizado à Rua Antônio Juca de Oliveira, bairro Jardim Eldorado, tinha sido alvo de assaltantes, uma guarnição da PM imediatamente compareceu ao local.

Em contato com a vítima, esta relatou que dois homens entraram ao comércio e, de posse de uma arma de fogo, anunciou o assalto. Uma mulher e seu filho de 19 anos foram rendidos e levados para a edícula dos fundos. Uma criança de apenas um ano e seis meses estava no local e teve a arma colocada em sua cabeça.

Os bandidos diziam que “se não tiver pelo menos R$ 50,00” matariam a criança. Eles conseguiram roubar R$ 260 e fugiram. A família foi trancada dentro do banheiro. Populares relataram que observaram os criminosos saindo numa moto Biz, de cor preta, e seguiram sentido bairro Bela Vista. Foram repassadas as características dos suspeitos às demais guarnições.

Uma viatura em patrulhamento pelo bairro Bela Vista, especificamente na Rua 1809, avistou dois rapazes de moto entrando numa casa em construção. Um deles desceu do veículo retirando a camisa e correu para os fundos, fato que chamou a atenção dos agentes militares. Em seguida, os policiais conseguiram prender dois suspeitos. O terceiro fugiu pulando muros de residências vizinhas, contudo, policiais do Núcleo de Inteligência que davam apoio conseguiram capturá-lo.

Em revista minuciosa na construção, os policiais localizaram um revólver da marca Taurus, calibre 38. Além de uma moto Honda Biz, de cor preta, placa NBX-0713/Vilhena, e uma moto Honda CG 125 Fan, de cor preta, placa NJL-0814/Rondonópolis, e R$ 30 em espécie.

A policia acredita que os acusados presos nesta operação também faz parte de um grupo especializado em roubos que recentemente vem atacando os comércios vilhenenses.

Diante da situação, os acusados identificados como João Marcos Ferreira Sanfelice, 20 anos, Márcio de Morais, 32 anos, e Walter de Morais, 27 anos, foram conduzidos à Delegacia de Policia Civil para procedimentos legais.

Sem títuloAupwviOAfqWUYHSRGkbIsXIZ-zfIYU6APauw0VU4cFeJ

Texto: Extra de Rondônia

Fotos: Extra de Rondônia

 

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO