img1452231546495O corpo de João Maria Martins, de 63 anos, conhecido como “risadinha”, foi encontrado no final da tarde desta quarta-feira, 7, em estado avançado de decomposição e aparentemente esquartejado na zona rural do município de Vilhena, divisa entre os Estados de Rondônia e Mato Grosso, nas proximidades da BR-174. Através de laudos periciais da Politec e exames médicos é que deverão apontar as causas da morte.

De acordo com informações obtidas pela reportagem do Extra de Rondônia, o idoso estava desaparecido há mais de 15 dias e o sumiço havia sido comunicado na delegacia de Polícia Civil de Vilhena no dia 23 de dezembro. O corpo, segundo informações policiais, foi encontrado pelo proprietário do sítio identificado como Edivaldo Alessi.

Edivaldo teria decidido procurar pela redondeza algum vestígio do caseiro que cuidava do sítio há algum tempo. Ele obteve êxito em sua caçada ao localizar o idoso em estado avançado de decomposição e com vários membros separados, inclusive a cabeça e braços. O corpo do idoso estava um pouco mais de 300 metros da casa onde morava e trabalhava.

Familiares estiveram no local e reconheceram o corpo como sendo de João. A funerária de plantão removeu o corpo até Vilhena para procedimentos cabíveis. O caso deverá ser investigado pela Polícia Civil.

 

Texto: Extra de Rondônia
Foto: Ilustração

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO