juizA entrevista publicada na manhã de hoje pelo Extra de Rondônia acerca de comentários críticos proferidos pelo advogado Reginaldo Ribeiro de Jesus sobre a condenação de acusados de desvio de verbas do município causou repercussão no Estado.

Em poucas horas após a veiculação da entrevista, a AMERON – Associação dos Magistrados do Estado de Rondônia emitiu nota oficial de repúdio ao causídico e apoio ao juiz que deu a sentença.

A mensagem da entidade já foi publicada em sites da capital e deve ser veiculada em outros meios de comunicação ao longo do dia. Abaixo, a íntegra da nota:

A AMERON – ASSOCIAÇÃO DOS MAGISTRADOS DO ESTADO DE RONDÔNIA, vem a público manifestar o seu irrestrito apoio ao Juiz de Direito ADRIANO LIMA TOLDO, bem como o mais veemente repúdio contra a manifestação do advogado Reginaldo Ribeiro de Jesus ao jornal eletrônico Extra de Rondônia por conta das condenações dos envolvidos na denominada “Operação Stigma”.

O Juiz Adriano Toldo foi ofendido no exercício da sua atividade judiciante, tendo o aludido advogado proferido comentários agressivos contra a decisão prolatada, digno de quem não possui argumentos para eventual reforma da mesma.

A Ameron assegura à população que os juízes de Rondônia continuarão a exercer as suas atividades judiciantes como sempre o fizeram, de forma digna, equilibrada e  justa, e que jamais se acovardarão diante de qualquer manifestação ofensiva ou mesmo agressiva.

Porto Velho, 12 de janeiro de 2016.

Juiz Francisco Borges Ferreira Neto

Presidente

Fonte: Extra de Rondônia

Imagem: Ilustração

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO