Dari de Oliveira visitou a redação do Extra de Rondônia
Dari de Oliveira visitou a redação do Extra de Rondônia

E parece que acabou a moleza para os vilhenenses considerados “porcalhões”.

A prefeitura de Vilhena vai começar a multar e punir administrativamente os moradores que jogam entulhos e lixos em frente das casas. A questão é tida como ato de irresponsabilidade e crime ambiental e de saúde pública.

Conforme prevê o Código Municipal de Meio Ambiente, Lei Complementar 173/2011, descartar entulhos ou lixo em locais inadequados é proibido em Vilhena.

Em visita à redação do Extra de Rondônia, Dari de Oliveira, secretário municipal de Obras, Trânsito e Meio Ambiente, explicou a medida é necessária para mante a cidade limpa. Neste sentido, uma operação da Secretária de Obras (SEMOSP) será efetuada até final de fevereiro. “A população tem que ter consciência que a limpeza que é a melhor solução para evitar doenças, por exemplo”, salientou.

A Lei estipula multa entre 20 a 100 UPFs, sendo que o valor de cada UPF é de R$ 21,71 (vinte e um reais e setenta e um centavos). Ou seja, o valor da punição pode chegar aos R$ 2 mil. Denúncias desta natureza podem ser feitas através do telefone (069) 3919-7096. As punições também se estendem aos moradores que não limpam seus terrenos, muitas das vezes é tomado pelo mato.

MOSQUITO

A sujeira em frente às casas propicia a proliferação de caramujos e do mosquito Aedes Aegypty, transmissor da dengue, Zika Vírus e Chikungunya, doenças que aparecem rapidamente no país. Em Rondônia, o mosquito Aedes Aegypty tornou-se um perigo à sociedade.

 

 

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Extra de Rondônia

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO