DSC_0285Durante a madrugada desta terça-feira, 9, a equipe Força Tática da Polícia Militar estourou uma “boca de fumo”, no bairro Embratel em Vilhena. Sete pessoas foram detidas e encaminhadas a Delegacia de Polícia Civil, entre eles dois menores de 17 anos.

De acordo com informações obtidas pela reportagem do Extra de Rondônia, os policiais realizavam patrulhamento de rotina pela Avenida Brigadeiro Eduardo Gomes, quando visualizou um rapaz em atitude suspeita que, ao perceber a presença da viatura militar, tentou se esconder, mas foi contido. Ele confessou que havia encomendado três invólucros de cocaína e que aguardava a entrega.

Foram apenas alguns minutos de campana no local para que o suspeito William Rodrigues de Paula, de 22 anos, chegassem no local em uma moto CG 150, de cor preta, em companhia de sua esposa. Ao desembarcar do veículo, o vendedor se dirigiu ao usuário e retirou alguns objetos do bolso, sendo que, neste momento, o usuário fugiu tomando rumo ignorado. Os policiais conseguiram abordar William, que confessou realizar o comércio de entorpecentes em concluo com seu irmão Eric Patik Ferreira de Souza, de 21. Ele disse, ainda, que seu irmão estava no Parque de Exposições realizando a venda da droga durante a festa de carnaval.

Eric Patik foi preso no local indicado pelo irmão. Com ele, a PM encontrou nove invólucros de entorpecentes no interior de sua carteira. William repassou o endereço onde costumeiramente adquire a cocaína para revender.

Os agentes militares se deslocaram ao bairro Embratel e encontraram Fabrício de Souza, de 20 anos, e sua esposa Eloísa Cipriano. Fabrício manuseava a droga em um prato, ao lado de dois invólucros grandes, além de certa quantidade de maconha e uma garrafa com gasolina aparentando ser bomba caseira conhecida como “Coquetel Molotov”.

Os dois menores também estavam na residência. Eles disseram que Fabrício, frequentemente, concede o entorpecente para que possam usá-lo.

Natacha Fernanda estava na garupa do veículo conduzido por William, e confessou que sabia das vendas das drogas. Disse também que comumente usuários entram em contato com ele para que este faça a entrega da droga.

Diante dos fatos, os envolvidos e a droga apreendida foram encaminhados a Delegacia de Polícia Civil e apresentado às autoridades de plantão para procedimentos cabíveis. Os menores apreendidos foram colocados a disposição do Conselho Tutelar do município

6af25821-4ae9-486f-a7a5-0e601291c264DSC_0274DSC_0281DSC_0284

Texto: Extra de Rondônia

Fotos: Extra de Rondônia

 

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO