cerejeirasAlém de perder o irmão de forma trágica, o cerejeirense Joceni Pinheiro Rosa passou por constrangimento em virtude ao erro no registro policial do acontecido.

Não se sabe ao certo o que motivou a confusão, mas o fato é que ao invés do B.O. ter sido lavrado com o nome da vítima, Juvenil Pinheiro Rosa, no documentou acabou constando o nome do irmão, grafado inclusive de forma errada, com o prenome “Josenir”.

“Isso acabou dando um problema para a obtenção do registro de óbito, que só foi feito após a confecção de outro boletim de ocorrência”, explicou ao Extra de Rondônia.

Além desta informação errada, Joceni declarou que a vítima não era epilética, como constava no registro. “Meu irmão tinha problemas decorrentes do uso de bebida, que lhe provocava ataques, mas ele não era diagnosticado como portador de epilepsia”, garante.

Segundo ele, após ter passado pelo menos sete dias bebendo Juvenil acabou “ficando fraco”, e caiu na rua quando tentou apanhar umas latas. Ele bateu com a cabeça e sofreu hemorragia interna, como sangramento enchendo seus pulmões, causando sufocamento.

O rapaz também teve lacerações no rosto em virtude da queda. “Quero deixar claro que ele não foi surrado ou agredido por ninguém como se comenta na cidade”, acrescentou.

Joceni também fez questão de dizer que seu irmão morava com os pais na área urbana de Cerejeiras, na Rua Curitiba. Ele ressaltou que além de Juvenil os pais também enfrentam sérios problemas de saúde, “mas todos são bem cuidados pela família”.

Em sua visão o fato ocorrido foi mera fatalidade, e não havia como os parentes terem evitado.

 

Fonte: Extra de Rondônia

Foto: Extra de Rondônia

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO