Confúcio pediu a radialista “não estragar o brilho do evento”
Confúcio pediu a radialista “não estragar o brilho do evento”

O caos na Saúde Pública tornou-se o assunto mais preocupante nos últimos dias em Vilhena. Autoridades locais culpam o executivo municipal pela falta de gerenciamento e muitos buscam soluções para o setor.

O radialista Júlio César Silva, o popular Julinho, é um dos vilhenenses que tenta chamar a atenção da população quanto à questão. Para conseguir seu objetivo, Julinho, nesta segunda-feira, 15, tentou cobrar um posicionamento do governador Confúcio Moura, em visita oficial ao município para solenidade de abertura do ano letivo em Rondônia.

Ao presenciar que o evento estava lotado de pessoas, percebeu que era o momento propício para detalhar ao governador, publicamente, a calamidade em que se encontra a Saúde. Mas foi impedido pelo próprio Confúcio de levar o caso ao público, para “não estragar o brilho do evento”. O governador teria dito que depois do evento lhe daria satisfações sobre o setor. Indignado, o comunicador se retirou do local.

Em visita à redação do Extra de Rondônia, o radialista explicou que sua atitude, de expor em público a situação da Saúde, tinha por objetivo comprometer o Estado a apoiar o setor. “Disse ao governador que estamos num país democrático de Direito e sabia que ele iria deixar eu usar da palavra para fazer um apelo para o Hospital Regional, e que o iria respeitá-lo porque as autoridades são constituídas por Deus. Mas ele me pediu para não estragar o brilho da solenidade, e que me daria satisfação apos o evento. Fui embora porque ele não tem que me dar satisfação nenhuma e sim para os vilhenenses e rondonienses por ser um governo tão desacreditado e sem competência administrativa, só comprometido com o poder custe o que custar”, desabafou. Julinho afirmou ao site que continuará sua luta pelo setor.

Em visita à redação do Extra de Rondônia, o radialista explicou que sua atitude
Em visita à redação do Extra de Rondônia, o radialista explicou que sua atitude

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Extra de Rondônia / Divulgação

 

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO