CapaNa manhã desta quinta-feira, 3, a Polícia Militar (PM), fazia ronda de rotina pela Rua 913, no bairro Boa Esperança, em Vilhena, quando avistaram dois homens em atitude suspeita numa moto Honda CG 150, de cor preta, placa NCV-1836/Vilhena.

Os suspeitos ao perceberem a presença da viatura empreenderam fuga em alta velocidade, sentido a Rua 844, em seguida entraram na Avenida Paraná, inclusive passando por cima do central da via. Porém, na Rua 836, foram interceptados pelos militares.

Ao serem abordados, os suspeitos proferiram palavras de baixo calão contra os policiais.

Devido a vários assaltos ocorridos em Vilhena nos últimos dias e, em todos, as vítimas relataram o uso de uma moto CG de cor preta, foi feita consulta e foi descoberto que a moto havia sido usada na tentativa de homicídio no último dia 27.

Na ocasião um homem identificado como Alexandre da Silva Américo, de 37 anos, mais conhecido como “Pajé” foi vítima de uma dupla que chegou numa moto de cor preta, o carona desceu e efetuou vários disparos.

Pajé apontou para a polícia quem teria atirando nele, e ainda passou o endereço, onde na casa não foi localizado os suspeitos, mas encontrado drogas.

O menor P.H.V.S, de 17 anos, confessou aos policiais que foi ele quem tentou matar Pajé, e confirmou que outro menor C.A.A, também de 17 anos, quem pilotou a moto para ele. A arma usada no crime foi dispensada numa mata na pista de Kart, mas segundo o menor, ele voltou no local, e não conseguiu localizá-la. A  dupla havia emprestado a motocicleta de Wellington Santos Bernardo, para praticar o crime.

Diante dos fatos, o adolescente e o proprietário da moto foram levados para a Delegacia de Polícia Civil e apresentados ao comissariado de Plantão para providências que o caso requer. O infrator completa 18 anos hoje, 3 de março.

001

003

Texto: Extra de Rondônia

Fotos: Extra de Rondônia

 

 

 

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO