Queimada 728×90

OUTRA CIDADE

Quem viu a prestação de contas das autoridades municipais apresentada na sexta-feira à imprensa vilhenense, no auditório da prefeitura, ficou achando que o relatório se referia a outra cidade e não ao nosso sofrido Município. Claro que não dá para colocar o caos reinante na conta de Célio Batista (PP), prefeito-tampão que ficou menos de dois meses na função, mês ele acabou pecando ao endossar as declarações do primeiro escalão que herdou de Zé Rover (PP).

OUTRA CIDADE II

Dizer que a “casa está em ordem” e que “deixaremos dinheiro em caixa” em setores como Saúde e Educação é no mínimo um exagero. Uma verdadeira falácia, na verdade. Que o diga o médico Wagner Jorge Leite Junior, presidente do Conselho Municipal de Saúde (CMS), que dias atrás revelou a bagunça generalizada na saúde pública municipal em Vilhena.

MAQUIANDO A VERDADE

A equipe de transição da prefeita eleita Rosani Donadon (PMDB) está perplexa com o volume de problemas que terá que enfrentar a partir deste domingo (1º de janeiro).

Teria sido mais digno aos autuais gestores admitirem os problemas e preparar o povo para as dificuldades que estão por vir, ao invés de maquiar a verdade com declarações capciosas. Com a palavra, a população de Vilhena!

2016 PROBLEMÁTICO

Sem deixar saudades, 2016 está indo embora da mesma forma como transcorreu: tenso, com crise geral na política, o que acabou gerando o colapso em todos os setores, e um certo desalento. Mas, a virada promete trazer boas expectativas, com a mudança de governo local e renovação ampla na Câmara de Vereadores.

NOVO NOME

O vice-prefeito Darci Cerutti (DEM) não assume, pelo menos no primeiro momento, a secretaria municipal de Indústria a Comércio, como era previsto. No entanto, ele indicou o ocupante da pasta, Faiçal Akkari, e deve trabalhar em sintonia com o setor.

DÚVIDA

De resto, o secretariado da prefeita Rosani Donadon deve ser mesmo o que já vem sendo divulgado há várias semanas. A dúvida que permanece é o papel que será ocupado pelo “primeiro-esposo” Melki Donadon (PTB) na administração. Melki, que já foi duas vezes prefeito de Vilhena e também em Colorado do Oeste, é conhecido por ser uma espécie de “trator” para garantir e conquistar recursos federais.

PRIMERO FERIADO

Curioso: 2.017 começa num domingo, e o primeiro dia útil do exercício – a segunda-feira – vai ser feriado. Isso porque a comemoração alusiva a data da criação do Estado de Rondônia (04 de janeiro) foi antecipada. Então, a vida começa na terça-feira, 3.

FORA DO DEM

O quase ex-vereador José Garcia, que foi o primeiro a ser detido sob acusação de ser o operador de esquema de extorsão a empresários do setor imobiliário, foi expulso do DEM. A exclusão dele dos quadros partidários foi decidida pelo presidente estadual da sigla, o deputado federal Marcos Rogério.

SUPLENTES À VISTA

Falando em vereadores, há certa curiosidade acerca do que vai acontecer durante a posse dos novos parlamentares neste domingo, devido ao fato de três deles estarem vendo o Sol nascer quadrado. Há muitas dúvidas acerca do futuro dos encalacrados, e os suplentes estão assanhadíssimos para dar o bote.

HOMICÍDIOS

O ano encerra com uma sinistra contagem de pessoas assassinadas na cidade. Até agora são 67 cadáveres, um aumento de quase 20% com relação a 2.015. Se forem acrescentadas as tentativas de homicídio ao cálculo, o resultado passa de uma centena. Ou seja oito por mês, ou ainda um a cada três dias.

SEM UNISP

Enquanto isso, o governo do Estado passou o ano inteiro com a sede da nova UNISP concluída, mas não entregou a central de polícia à comunidade vilhenense sabe-se lá porque. Assim, os crimes ocorridos na cidade permanecem sendo investigados com as precárias condições de trabalho dos servidores da Polícia Civil.

FELIZ ANO

Assim,  Extra de Rondônia finaliza esta última coluna “Cego, Surdo e Mudo” de 2016 agradecendo aos internautas de Vilhena, e do Estado pela preferência quando o assunto é jornalismo on line. Desde janeiro de 2008, quando o site iniciou as atividades, nossa equipe mantém o objetivo inicial: proporcionar 24 horas de informações. E esse também é o nosso compromisso para 2017. Feliz Ano a todos.

 

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Divulgação

 

 

saude 468×60