Eguinaldo Danelli Costa, de 33 anos, mais conhecido por “Polaco”, foi denunciado pelo promotor de justiça do Ministério Público (MP) da comarca do município de Cerejeiras de não comparecer no julgamento realizado no dia 20 de fevereiro do decorrente ano.

O denunciado é réu no processo que apura o homicídio de Lede Mara Esteves, morta a tiros no dia 25 de agosto de 2011 no município citado.

Conforme a denúncia Eguinaldo e Vanildo Santana da Silva, popular  “Cawboy” efetuaram dois disparos de arma de fogo contra Lede Mara, após uma discussão num suposto comércio de drogas na cidade de Cerejeiras. Diante das provas obtidas a Promotoria denunciou Eguinaldo e Vanildo pelo crime cometido contra a vítima.

O acusado não compareceu ao julgamento. Com isso, o MP deu prazo de 10 dias para apresentar testemunhas e justificar a ausência. Contudo, assim não o fez e agora é considerado foragido da justiça.

Texto: Extra de Rondônia

Foto: Extra/Arquivo

 

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO