Em estado de revolta, os servidores públicos municipais de Cerejeiras, encaminharam ao prefeito Airton Gomes (PP) um documento assinado pelos mesmos, solicitando a participação em uma sessão da Câmara de Vereadores, que ocorrerá no próximo dia 02, na qual será apresentado um projeto de lei sobre a municipalização da Previdência Social.

Segundo os servidores, foram convidados para a sessão apenas pessoas que de certo modo, interessam à casa de leis, como os próprios vereadores e alguns diretores das escolas municipais, no entanto, os mesmos acreditam que, como o assunto é de interesse de todos, a sessão deve ocorrer de portas abertas.

Se aprovado, o projeto de lei passará para cada secretaria a obrigação de recolher as contribuições de seus servidores e repassar mensalmente para um órgão específico, que irá administrar o montante, porém, segundo os servidores, a falta de fiscalização dos órgãos responsáveis ou fiscalização ineficaz, a falta de transparência, a impossibilidade de acesso aos extratos de contribuição individualizados, gestores desqualificados e escolhidos por critérios políticos ou pessoais, politicagem na perícia médica, dentro outros motivos, geram uma sensação de insegurança dos contribuintes, que podem enfrentar sérios problemas na hora de solicitar um afastamento ou até mesmo nos processos de aposentadoria, como o ocorrido recentemente na cidade do Rio de Janeiro/RJ, em que o próprio órgão responsável pela gestão das contribuições municipais foi mal gerido e decretou falência.

No documento, que foi assinado por 10 representantes dos servidores municipais, os mesmos solicitam ainda, que caso não haja possibilidade da sessão ocorrer no período noturno, como requerido, que os interessados em estar presente na ocasião, sejam dispensados de seus afazeres sem prejuízos financeiros.

Texto e fotos: Extra de Rondônia

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO