Está circulando pelas redes sociais e aplicativos de mensagens, um vídeo de um apenado do regime semiaberto, que afirma para um policial, ganhar quase R$ 1 mil de auxilio reclusão e que mesmo assim continua praticando furtos e roubos.

No vídeo, que é gravado por um militar, que acabou de deter o infrator, de 24 anos, cometendo crimes pela cidade, o mesmo nega pertencer a alguma facção criminosa, mas afirma ter passado dois anos na prisão por assalto (art. 157), que o levou a adquirir o rico beneficio de R$ 4 mil mensais, porém, após menos de cinco meses de ser posto em liberdade sob sistema de rastreamento eletrônico, foi detido novamente furtando.

Ao ser questionado sobre o que falaria para um trabalhador que sofre e não recebe nem a metade do que ele ganha sem fazer nada, o jovem afirmou não ter nada a dizer.

https://

Texto: Extra de Rondônia

Vídeo: Rede Social

 

sicoob credisul
vacina 728×90

COMUNICADO: Atenção caros internautas: recomenda-se critérios nas postagens de comentários abaixo, uma vez que seu autor poderá ser responsabilizado judicialmente caso denigra a imagem de terceiros. O aviso serve em especial aos que utilizam ferramentas de postagens ocultas ou falsas, pois podem ser facilmente identificadas pelo rastreamento do IP da máquina de origem, como já ocorreu.

A DIREÇÃO